terça-feira, 20 de maio de 2008

Devaneação.

Impressionante.

Eu ia entrar aqui pra escrever como é um saco não ter nada pra fazer.

Aí, olhei do lado e vi o Speed Racer que estou pintando na prancheta. Pensei na ilustra pra Grafos de mais cedo. Lembrei da ilustração pro conto do Leandro Doro, pra Front Imigração. Lembrei da Pin-Up do Ninja Garden que o Chris me pediu. Lembrei das páginas da história do Elton. Lembre da reunião de amanhã pra ver o pôster da exposição do Dante. Lembrei que tenho que escanear desenhos e atualizar o site, o Deviant e o ComicsSpace. Lembrei que hoje fiz orçamento prap assagem da viagem pra Comic Con e só depois fui ver que tava planejando pro dia errado (a convenção é no final de Junho, e não na metade de Julho, como pensei. E isso altera tudo.) Lembrei que preciso escrever pro Sérgio, editor da Café Espacial. Lembrei que tenho que reler o mail do Eduardo e mandar o email pra moça sobre os freelas de storyboard. Lembrei, também, das várias telas em branco que há um mês me esperam na casa dos meus pais.

Então, qual seria o problema?
Tanta coisa que tem que ser feita, e eu às vezes sinto que não tem nada pra fazer.
Na verdade, acho que o problema maior é ter o mojo pra fazer o que precisa.

(...)

Cansam-me também umas certas outras coisas, que não tem a ver com meu trabalho, mas são determinantes pra criar - ou descriar - o mojo necessário pra fazer meu trabalho. Vai desde a academia até minha posição como dona-de-casa (?).

Em meio ao burburinho mental, eu vou fazendo tudo e um pouco mais, e no final, dou conta do recado. Imaginoque muito em breve, se Deus quiser, eu terei aquele espaço só meu, com a bateria no canto do quarto, com abafadores pra não fazer barulho.

2 comentários:

Mariana Guerra disse...

Vai mudar de apê, é?
Senhor Mário, muito ocupado. E ainda diz que não tem nada para fazer, pelo menos suas ocupações são sua arte. Eu, por outro lado, tenho tarefas de física e química para fazer, e estudar matemática.
Depois lembra de agradeçer por ter terminado o ensino médio :)

Mariana Guerra disse...

Aliás, você tem que comentar a vernissage!