terça-feira, 19 de junho de 2012

HQMIX e Terapia

Era um domingo muito gostoso, dia das mães. Estava com minha família, pai, irmão e as homenageadas do dia, minha mãe e minha avó. Comer pra caramba, programação ruim de TV aberta, muita risada, e aquela preguiça gostosa. Paz no coração.

Só tinha uma coisa me incomodando. Era aquele e-mail do Will, que eu li logo ao acordar (nesse péssimo hábito de ver a caixa de entrada pelo celular logo que acordo). Um e-mail que parecia sério, com os dizeres "Caro Mario, preciso falar-lhe. Me ligue."

E eu, sempre desconfiado da famigerada frase "precisamos conversar" e derivadas, fiquei a manhã toda me perguntando, o que poderia ser de tão sério. Lá no meio, um pouco do meu pensamento me levava a "resultado do HQMIX", e isso poderia tanto ser uma congratulação quanto um comunicado de pêsames.

Depois do almoço, dei meu presente pra minha mãe. E esse presente era fazer a barba, tirar tudo. Eu já vinha gradualmente diminuindo a área da barba desde a finalização da arte de Dom Casmurro, e estava num momento bigodão de caminhoneiro. Bom, há anos ela me pede pra fazer toda a barba, então nada mais justo que dar esse presente pra ela, agora que nada me impede de fazê-lo.

Feito isso, dei mais um tempinho, afinal, sei bem que o pessoal em São Paulo costuma almoçar mais tarde, e liguei pro Will. Coração na mão.

Eu - Oi, Will! É o Mario! Tudo bom?
Will - Fala Mario! Tudo bom sim, e vc?
Eu - Tudo ótimo, cara. Viu, li seu e-mail... O que houve?
Will - Ah, sim, então... Bom... Vou falar. Terapia ganhou o HQMIX.

A minha reação foi rir, andar em círculos, sem saber direito o que falar. Recebidos os parabéns do Will, contei pra família e fui ligar pro Rob e pra Marina.

Pra Marina primeiro. Era dia das mães, então ia usar a desculpa de mandar um abraço pra mãe e pras avós dela, enrolar um pouco e aí fingir que ia dar uma notícia ruim e contar. A princípio acho que a ficha não caiu direito pra ela, mas logo estávamos comemorando e pensando na data da entrega do troféu pra ver se ela poderia comparecer, já que ia viajar em breve.

Aí liguei pro Rob, esse cara adulto, profissional, casado, escritor dedicado. Esse cara com coração de um jovem ainda. Comecei dizendo que, cara, precisamos conversar sobre o Terapia. Um lance SÉRIO. Claro que ele ficou incomodado, imaginem? Aí viria bomba... E aí eu contei. Ganhamos o HQMIX, depois de uma pausa dramática. Aí a pausa foi dele. Que ele quebrou com "Você tá brincando, né?" Não, não estava. Nem eu mesmo acreditava direito, e aí, como antes, comemoramos muito, combinamos de estarmos todos juntos na entrega do prêmio...

E aí, cara... Ganhamos o HQMIX. Melhor WebQuadrinho de 2011.

Só pra você ter ideia, se já não pensou nisso: 2011 foi o ano mais produtivo dos últimos tempos. Não só para mim, com Casmurro, Terapia e tantas outras coisas. Foi o ano dos grandes eventos, em especial do FIQ. MUITA coisa boa foi lançada, muita gente boa apareceu, muita gente boa que já estava por aí lançou novidades. Foi o ano em que nasceu o Petisco, que já estava sendo preparado bem antes do lançamento do nosso "irmão", o portal IG Jovem Quadrinhos, que reuniu grandes artistas fazendo webcomics semanais. Foi o ano do Achados e Perdidos e a vitória espetacular desses três autores com um projeto nos moldes que ninguém tinha visto ou feito no Brasil antes. Foi o ano mais cheio de big deals pro Quadrinho brasileiro em muito tempo.

E estávamos lá, sendo homenageados com esse prêmio, que eu estimo muito e assino embaixo da legenda não-oficial "o Eisner Awards brasileiro".

Confesso, desde 2007, com minha primeira HQ publicada aqui (e lá fora também, mas essa não conta), sonho em ganhar um HQMIX. É a confirmação de que você está no caminho certo, que o que você faz é relevante pros leitores e pros profissionais da área. Mas, claro, eu era "um menino ainda" e sabia que era um peixe pequeno no meio de peixes imensos.

Em 2009 e 2010, fui indicado, mas não levei. Agora, com maior felicidade, ganhamos.

É mais que uma honra, é um tipo de confirmação do Quadrinho brasileiro de que nosso trabalho é relevante e é bom.

Agradeço demais, de coração, infinitamente, a quem votou em nosso trabalho. Não é querer fazer média, e eu também não fiz lobby nem fiquei pedindo voto a ninguém. O máximo feito foi uma série de marcadores de página que levei  à QuantaCon para distribuir pro pessoal.

Se vencemos, é resultado de um trabalho bem feito, no qual nos dedicamos com paixão. Noqual eu tento sempre me superar e surpreender os leitores. Onde usamos nossas melhores referências e trabalhamos em equipe mesmo, pra criar algo que seria impossível sem um ou dois desse trio.

Eu agradeço principalmente à Marina e ao Rob, por serem meus cúmplices nesse crime todo. Por criarem uma complexidade tão sutil, tão poderosa... Que deixam, assim como na arte, uma série de pontas soltas que podem ser trabalhadas a qualquer momento. São peças do quebra-cabeça, e a imagem inteira está longe de ser concluída, porque os leitores têm em seu poder peças que nós nem imaginamos possíveis.

A interação dos nosso leitores é o que nos dá mais combustível. Lendo oa comentários, especialmente naqueles momentos mais impactantes, e ver a opinião de cada um, é um deleite. É algo que eu sempre amei em Quadrinhos, esse feedback, esse cliclo, que eu comento em NÓS - Dream Sequence Revisited.

Sem os leitores, não teríamos o mesmo impacto, nem a mesma relevância.

Estou muito, mas MUITO feliz mesmo. Fico sorrindo como um bobo, como fiquei quando o Sidão me convidou pra fazer o MSP+50, como quando ganhamos o ProAC com Dom Casmurro, como quando fui selecionado pra Equipe Evoke e participei da concentração de criação da série no Rio. Como quando postamos as primeiras três páginas de Terapia, em 30 de maio de 2011. E um ano depois, a satisfação de ver nossos nomes entre os ganhadores do HQMIX desse ano.

Obrigado, de coração.

E podem apostar. Vem muita coisa legal por aí. Ah, se vem...

E claro, nosso parabéns efusivos aos nosso amigos e colegas que também ganharam! Veja aqui a lista completa!

Leia o texto do Rob Gordon sobre isso, postado ontem.

A entrega dos troféus será no dia 30/06, às 17h, no SESC Pompéia! Estaremos lá!

5 comentários:

Leo Finocchi disse...

AAAAAEEEEEEEEEEEEEE garoto!!!!

Rob Gordon disse...

Mais que o prêmio, ganhei um amigo, ou, melhor dizendo, um irmão, daqueles de levar para a vida inteira. Isso vale mais que qualquer troféu.

Agora, quanto ao HQMIx... Só a gente sabe o quanto de amor e dedicação a gente colocou nesse trabalho. O quanto a gente ralou e o quanto tentou fazer o melhor possível, em cada página, em cada frase, em cada quadrinho. :)

Parabéns, cara! Parabéns pra nós!

Abraços!

Rob

Ricardo S. Tayra disse...

Parabéns Mário e equipe.
Definitivamente Terapia é um petisco que não pode faltar para fãs de HQs

Andrade disse...

Esse relato é emocionante Mario, me sinti até como se EU tivesse ganho o prêmio.
Parabéns para vcs 3.

eu e a Juliana (minha namorada, psicologa e MAIOR FÃ de TerapiaHQ) estaremos lá e seremos oq mais gritarão quando anunciarem vcs.

grande abraço!

Digo Freitas disse...

O primeiro nome que procurei na lista dos vencedores. Estava lá!

Parabéns, Mario!!!