segunda-feira, 10 de setembro de 2007

O.O

Quando a gente fica reclamando sobre aprofissão de ilustrador, tem gente que não entende e acha que a gente reclama de barriga cheia.
"Pô, mas você fica em casa o dia inteiro desenhando!"
Não é bem assim.

Uma das coisas que mais pega pra gente, e que eu, infelizmente, ainda não consegui fazer decentemente, é proteger meus direitos autorais. Segundo o grande Montalvo, e o magnífico Guia do Ilustrador, o ilustrador não vende a imagem, e sim, o direito de uso dela por um tempo determinado. O que acontece é o seguinte: suponha que você está escrevendo um livro ou apostila, e me contrata pra ilustrar. Farei todo o trabalho, do jeito que é pra ser, e assinaremos um contrato. Nesse contrato, está estipulado que você tem o direito de uso das ilustrações durante 5 anos, e que, a cada publicação, o ilustrador deve receber 10% do valor total, e depois que esse prazo terminar, se o autor quiser voltar a usar as imagens, tem que assinar outro contrato - e pagar de novo o valor total.

Entendeu? Não vendo minhas imagens. Eu autorizo que as usem.

Porém, o que acontece por aqui é que é cada vez mais difícil conseguir alguém que assine o SEU contrato. Geralmente eles têm um contrato próprio, e o ilustrador costuma sempre sair prejudicado,m pois a cessão de direitos é total, e não parcial. Ou seja, pagam mal, quando pagam, e ainda querem ficar com a imagem pra sempre.
Digamos que eu faça uma ilustração pra uma revista, cobre R$ 1.200,00. Com certeza vão ralhar com o preço, terei que abaixar. Aí, no contrato - se é que vai rolar contrato, pois muita gente nem se dispõe a isso - a cessão é total. Se eu fosse cobrar a venda da imagem, o preço iria pra R$3.500,00, por exemplo. Claro, afinal, você não está comprando o direito de uso de uma i9lustração, está comprando uma obra intelectual, um desenho, ou pretenciosamente dizendo, uma obra de arte.

Eu sempre proponho meu contrato com cessão parcial de direitos. Mas poucas vezes consegui isso.

O que me fez pensar nisso agora foi que eu estava à toa, escaneando ilustrações pras apostilasdo Perry, e enquanto isso, fuçava meu orkut. Achei o perfil do Daniel Vardi, dono da editora Vardi, que não tem muita projeção, pelo que eu saiba, mas pelo menos está na luta. Entrei no site dele pra relembrar umas coisas.

Lembrei do personagem dele, Amanhecer, um tipo de Superman/Caçador de Marte/Colossus brasileiro. Conceito interessante, mas nunca vi nada de verdade com ele. Que seja.
Lembrei da minha época de 3° colegial e 1° ano da faculdade, quando eu mal sabia o que era ilustração... A Vardi fez um tipo de concurso, desses bem mequetrefes, de você mandar seu desenho e ganhar alguma coisa. Eu decidi entrar. Era pra fazer o Amanhecer e o Raio Negro (não o fodão da Marvel, mas o tipo-Lanterna-Verde brasileiro das antigas), e eu fiz. Hoje, vejo que foi um bom trabalho, mas tem todas as limitações que eu tinha anos atrás.

Mandei, não ganhei nada, fiquei ao Deus-dará, nem lembro de ter saído resultado, e se saiu, com certeza quem venceu não merecia tanto. Não que eu merecia mais, mas eu sei que eu fiz um bom trabalho.

4 anos depois, venho eu visitar o site da Vardi, e entro na Galeria deles... Vou rolando a tela, vendo uns desenhos muito ruins, outros aceitáveis, e me deparei com duas surpresas.

Meu desenho está lá.
Sem meu nome.
Sem minha permissão.

Eu não lembro se tinha um regulamento que dizia que eu perdia os direitos da imagem, ou se eu automaticamente autorizava eles a usam meu desenho pra divulgação e etc, mas está lá, e eu nem sabia. O pior é estar lá sem meu nome.
Achei tão estranho. Depois de tantos anos, ainda estar lá.

Por isso comecei a pensar sobre direitos autorais de novo. Por mim, tudo bem, nem é um trabalho do qual me orgulho muito. Fiz pra essa promoção mesmo, sabendo dos riscos (ou não), e hoje em dia, pouco me importa. Mas eu mandarei um email pro Daniel Vardi reclamando dele não colocar meu nome lá, e ainda por cima, não avisar que o desenho estava exposto. Espero não comprar briga, até porque hoje em dia eu tenho muito mais informação e respaldo de grandes nomes (e amigos também) do ramo da ilustração.

Quer tirar a prova? Olha lá.


Aproveite quando estiver olhando, e preste atenção nos nomes dos caras que mandaram desenhos. Você vai achar um do Gabriel Bá.
Gabriel Bá?
Mas não é o cara dos 10 Pãezinhos, do Casanova, do Umbrella Academy?? É ele sim!!
Impressionante!!
Será que ele mandou mesmo naquela época? Pra mesma promoção que eu?
Engraçado porque a 4 anos atrás, o Bá já desenhava muito bem, já fazia os 10 Pãezinhos, se bobear já tinha até publicado os álbuns pela Devir. E olhei lá, aquele desenho... toscão... ruim mesmo!
Tudo bem, o estilo do Bá é bem característico, mas aquele bicho lá não me lembra ele. Nem a execução lembra ele. Não pelos esboços que eu já vi dele...
Bom, eu sei que o Bá não lê meu blog, mas peço desculpas pela esculhambação mesmo assim. O desenho tá muito estranho. Mais estranho foi saber que o Bá tá lá naquela lista, comigo, e com outros zés-manés...



O Bá hoje, não é mais um zé-mané.
Nem eu sou.
Espero que muitos daquela lista tenham evoluído muito e encontrado seus caminhos e estilos...
E usei que eu e o Bá encontramos (ele mais que eu, estou começando a expandir meu horizonte)

Olha, pra quem se interessar, vejam msmo os links do Montalvo e do Guia do Ilustrador. Vale a pena.

Abraços!

PS> Não sei se é coincidência, mas se você buscar Raio Negro no Google Imagens, o primeiro resultado é... o meu desenho.
Viva a internet!

3 comentários:

Mariana Guerra disse...

Eu digo que você é todo poderoso... é o primeiro até do Google xD

Joseph disse...

Cara! Aconteceu a mesma coisa comigo. Ganhei o segundo lugar nesse concurso e colocaram só a minha Hq no site. E agora colocaram no novo site deles, o SuperHQ. Caí no seu blog por que tava pesquisando a respeito da Editora Vardi. Bizarro...
Abraços

Daniel Vardi disse...

Bem, já que virei assunto em pauta, acho justo comentar o seu ótimo texto.

Em primeiro lugar quero dizer que seu trabalho é muito bom, assim como a clareza do seu texto.

Seu desenho mesmo não sendo um dos premiados, realmente era muito bom. Motivo para estar no site.

A falta de crédito aconteceu porque, com o passar dos anos, algumas artes se perderam da ficha de inscrição e para resolver esta questão posso providenciar o crédito do seu trabalho ou removê-lo do site caso seja este o seu desejo.

A Editora Vardi passou por um período de grande dificuldade e, sei que alguns artistas não tiveram resposta. Eu fui pessoalmente atrás de alguns premiados no concurso (que autorizava a utilização das imagens!). Tenho até hoje guardado todas os prêmios do concurso e aproveito o seu blog para pegar o contato do Joseph.

Todos sabem das dificuldades de se montar uma editora de quadrinhos no Brasil e, em nenhum momento corro das minhas responsabilidades.

Agradeço a chance de estar em contato e coloco aqui os meus e-mails para contato. Quem desejar falar por telefone eu passo por e-mail, ok?

Abraços e boa sorte para todos

Daniel Vardi
hq@superhq.com.br
danielvardi@bol.com.br