terça-feira, 8 de abril de 2008

Confissão

Tenho uma compulsão confessa por shows de rock, onde a poesia se manifesta em barulho de guitarras distorcidas e clamores infalamados.

Tenho delírios incontroláveis e desejo de palco.

Tenho a música presa e fluindo dentro de mim e poucas são as chances de deixar ela explodir.









Pq ficar parado no palco é coisa de pedestal.

Um comentário:

Mariana Guerra disse...

Eu já fui um pedestal! Num show do Nezumi(J-rocker), ele precisava cantar, mas já tocava baixo e não tinha como segurar o microfone, quem segurou o micro quase a música toda?
Eu.

Queria mesmo ter visto o show. Acho melhor e cada vez mais você procurar uma banda, aí você bota pra fora o que precisa e tem mais oportunidades. Eu também.